VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020

VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020
VI Gramado in Concert Festival Internacional de Música de 07 à 15 de fevereiro de 2020

Veja a programação do evento para você se encantar: Programação do Evento.

 

A realização do VI Gramado in Concert será feita pela Secretaria de Cultura de Gramado que tem como secretário Allan John Lino, criador da Orquestra Sinfônica de Gramado e diretor geral do festival nas quatro primeiras edições.

 

A Orquestra Sinfônica de Gramado (OSG) foi fundada em 2011 por Allan John Lino e desde então realiza concertos nos mais diversos palcos da cidade, da região e também em outros estados. Faz parte de suas ações ainda, a promoção da educação musical e a qualificação de músicos gramadenses que possam vir a atuar profissionalmente no quadro da orquestra. Em 2014, a partir de uma iniciativa conjunta da Secretaria de Turismo de Gramado e OSG, criou-se o Gramado in Concert, realizado pela primeira vez em fevereiro de 2015 e que agora segue para a sexta edição. Em 2017 a OSG passou a ser administrada pela Autarquia de Turismo e Cultura da região sul do Brasil, a GRAMADOTUR, ganhando mais músicos e ampliando sua qualidade artística.

 

A Direção Artística do evento é pelo sexto ano consecutivo do Maestro Linus Lerner, brasileiro radicado nos EUA, doutor em música, Maestro e Diretor Artístico da Southern Arizona Symphony Orchestra (SASO), da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte (OSRN), da Orquestra Sinfônica de Gramado, do Festival de Ópera de San Luis Potosi e Concurso de Canto Linus Lerner (México).

 

A Coordenação Artística é pelo sexto ano consecutivo do Maestro Leandro Libardi Serafim, doutorando na Universidade Federal do Ceará (UFC) e na Université Laval (Canadá), professor do Curso de Música da UFC onde é também maestro da Orquestra Sinfônica e da Banda Sinfônica.

 

Além das atrações, o evento oferece oficinas dos mais variados instrumentos e práticas orquestrais. Ao todo, serão 400 vagas para alunos de música brasileiros e internacionais que participarão de 22 modalidades de oficinas e 04 práticas de grupo e 03 projetos especiais. Para tal, o festival contará com uma equipe de 31 professores e 2 pianistas acompanhadores de renome nacional e internacional, sendo que entre eles há solistas, músicos de grandes orquestras e professores universitários. Veja a lista de professores e seus currículos: Lista de professores.

 

Além das atrações, o evento oferece oficinas dos mais variados instrumentos e práticas orquestrais. Ao todo, serão 400 vagas para alunos de música brasileiros e internacionais que participarão de 22 modalidades de oficinas e 04 práticas de grupo e 03 projetos especiais. Para tal, o festival contará com uma equipe de 31 professores e 2 pianistas acompanhadores de renome nacional e internacional, sendo que entre eles há solistas, músicos de grandes orquestras e professores universitários. Veja a lista de professores e seus currículos: Lista de professores.

 

Também realizaremos o III Concurso Jovens Solistas que premiará os três melhores solistas inscritos com prêmios de R$ 3.000,00, R$ 2.000,00 e R$ 1.000,00 consecutivamente. A primeira fase será realizada através de avaliação de vídeo, mas o público poderá prestigiar durante o evento a Semifinal e a Final, participando inclusive da votação de solista aclamado pelo público, o qual receberá um prêmio de R$ 500,00.

 

Nesta edição, pela terceira vez, o evento lançará um edital para seleção de Grupos de Câmara Residentes. No total serão oferecidas 12 bolsas integrais que serão divididas entre dois ou três grupos de câmara brasileiros ou internacionais inscritos e selecionados. Durante o evento estes grupos farão recitais, participarão de coachs de música de câmara, de oficinas de instrumento e das práticas de orquestra, recebendo sem custos a inscrição no evento, a hospedagem e toda a alimentação durante os nove dias de evento.

Veja a programação do evento para você se encantar: Programação do Evento.

 

A realização do VI Gramado in Concert será feita pela Secretaria de Cultura de Gramado que tem como secretário Allan John Lino, criador da Orquestra Sinfônica de Gramado e diretor geral do festival nas quatro primeiras edições.

 

A Orquestra Sinfônica de Gramado (OSG) foi fundada em 2011 por Allan John Lino e desde então realiza concertos nos mais diversos palcos da cidade, da região e também em outros estados. Faz parte de suas ações ainda, a promoção da educação musical e a qualificação de músicos gramadenses que possam vir a atuar profissionalmente no quadro da orquestra. Em 2014, a partir de uma iniciativa conjunta da Secretaria de Turismo de Gramado e OSG, criou-se o Gramado in Concert, realizado pela primeira vez em fevereiro de 2015 e que agora segue para a sexta edição. Em 2017 a OSG passou a ser administrada pela Autarquia de Turismo e Cultura da região sul do Brasil, a GRAMADOTUR, ganhando mais músicos e ampliando sua qualidade artística.

 

A Direção Artística do evento é pelo sexto ano consecutivo do Maestro Linus Lerner, brasileiro radicado nos EUA, doutor em música, Maestro e Diretor Artístico da Southern Arizona Symphony Orchestra (SASO), da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte (OSRN), da Orquestra Sinfônica de Gramado, do Festival de Ópera de San Luis Potosi e Concurso de Canto Linus Lerner (México).

 

A Coordenação Artística é pelo sexto ano consecutivo do Maestro Leandro Libardi Serafim, doutorando na Universidade Federal do Ceará (UFC) e na Université Laval (Canadá), professor do Curso de Música da UFC onde é também maestro da Orquestra Sinfônica e da Banda Sinfônica.

 

Além das atrações, o evento oferece oficinas dos mais variados instrumentos e práticas orquestrais. Ao todo, serão 400 vagas para alunos de música brasileiros e internacionais que participarão de 22 modalidades de oficinas e 04 práticas de grupo e 03 projetos especiais. Para tal, o festival contará com uma equipe de 31 professores e 2 pianistas acompanhadores de renome nacional e internacional, sendo que entre eles há solistas, músicos de grandes orquestras e professores universitários. Veja a lista de professores e seus currículos: Lista de professores.

 

Além das atrações, o evento oferece oficinas dos mais variados instrumentos e práticas orquestrais. Ao todo, serão 400 vagas para alunos de música brasileiros e internacionais que participarão de 22 modalidades de oficinas e 04 práticas de grupo e 03 projetos especiais. Para tal, o festival contará com uma equipe de 31 professores e 2 pianistas acompanhadores de renome nacional e internacional, sendo que entre eles há solistas, músicos de grandes orquestras e professores universitários. Veja a lista de professores e seus currículos: Lista de professores.

 

Também realizaremos o III Concurso Jovens Solistas que premiará os três melhores solistas inscritos com prêmios de R$ 3.000,00, R$ 2.000,00 e R$ 1.000,00 consecutivamente. A primeira fase será realizada através de avaliação de vídeo, mas o público poderá prestigiar durante o evento a Semifinal e a Final, participando inclusive da votação de solista aclamado pelo público, o qual receberá um prêmio de R$ 500,00.

 

Nesta edição, pela terceira vez, o evento lançará um edital para seleção de Grupos de Câmara Residentes. No total serão oferecidas 12 bolsas integrais que serão divididas entre dois ou três grupos de câmara brasileiros ou internacionais inscritos e selecionados. Durante o evento estes grupos farão recitais, participarão de coachs de música de câmara, de oficinas de instrumento e das práticas de orquestra, recebendo sem custos a inscrição no evento, a hospedagem e toda a alimentação durante os nove dias de evento.