Praça das Etnias - Casa do Colono

Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono
Praça das Etnias - Casa do Colono

A Praça das Etnias fica próxima ao Centro de Gramado e reúne uma série de atrativos, então vale a pena reservar algumas horas para passear lá. Neste espaço foram reproduzidas três casas que representam os povos que colonizaram Gramado. Este é o motivo pelo qual você irá encontrar lá uma casa com arquitetura italiana (com um memorial), uma alemã (que é a Casa do Colono) e outra portuguesa. No local também foi construída uma casa de pedra, onde você pode adquirir os passeios de agroturismo, cujo ponto de partida é em frente à praça.

Movimento - Pelo fato de estar ao lado da rodoviária, a Praça das Etnias está sempre movimentada, seja pelos turistas que vão fotografar o local ou pelos moradores de Gramado e da cidade vizinha, Canela. Todos têm um motivo em comum: aproveitar para comprar um pão ou uma cuca que saem quentinhos dos fornos de barro onde são feitos. Isso mesmo, honrando o seu nome, na Praça das Etnias os colonos agricultores vão se revezando, e a cada dia moradores de uma localidade do interior deixam suas casas para vir até o centro da cidade para produzir e vender pães, cucas, biscoitos, doces e muitas outras delícias.

Feirinhas – No sábado, a Praça das Etnias tem atrações especiais: uma feirinha de produtos coloniais e outra com produtos orgânicos, em ambas os produtos são comercializados pelos próprios colonos. Hortaliças, verduras, frutas, compotas, chás e até flores vêm direto do interior de Gramado e fazem sucesso, por isso, recomendamos que chegue cedo (as feirinhas começam às 7 horas da manhã) para poder ter mais opções de escolha dos produtos.

Fornos e Casa do Colono – Tudo na Praça das Etnias desperta o desejo por comida! São muitas delícias, desde os pães e cucas nos fornos de barro, até uma infinidade de produtos coloniais como verduras, legumes, frutas, geleias, embutidos, mel, doces, compotas, vinhos, sucos, temperos, queijos, massas, biscoitos e pães que são comercializados na Casa do Colono, que mais se parece com aqueles mercadinhos de secos e molhados que se vê no interior mesmo.

Artesanato – Se você é daquelas pessoas que adora levar um souvenir bem autêntico de cada viagem, saiba que na feira artesanal vai encontrar muitas opções de produtos feitos por gente daqui no Espaço de Feiras Francisco Oberherr.

Caminhe! Você pode fazer este passeio a pé, assim irá fazer muitas fotos dos canteiros que estão sempre impecáveis, tomados por flores. Na praça também há um anjo de vidro que foi produzido e doado pela empresa Cristais de Gramado, como uma homenagem ao Natal Luz. Depois de aproveitar as delícias e belezas da Praça das Etnias, vá percorrendo a principal avenida da cidade – a Borges de Medeiros – até a Rua Coberta, e conferindo de perto as vitrines das lojas e os restaurantes que fazem deste trecho um dos pontos mais disputados de Gramado.

SERVIÇO

O QUÊ: Praça das Etnias
ONDE: Av. Borges de Medeiros (ao lado da Rodoviária), Centro, Gramado - RS
CONTATO: (54) 3036 0389
FUNCIONAMENTO CASA DO COLONO: segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h30
Sábados e domingos, das 9h às 18h30
FUNCIONAMENTO FORNOS: Produção de cucas e pães nos fornos: quartas, sextas, sábados e domingos.
FUNCIONAMENTO FEIRINHAS: Aos sábados, das 7h às 12h
ACESSO A PRAÇA: Diariamente - livre

Informações

Endereço: Av. Borges de Medeiros, 1848
Cidade: Gramado

A Praça das Etnias fica próxima ao Centro de Gramado e reúne uma série de atrativos, então vale a pena reservar algumas horas para passear lá. Neste espaço foram reproduzidas três casas que representam os povos que colonizaram Gramado. Este é o motivo pelo qual você irá encontrar lá uma casa com arquitetura italiana (com um memorial), uma alemã (que é a Casa do Colono) e outra portuguesa. No local também foi construída uma casa de pedra, onde você pode adquirir os passeios de agroturismo, cujo ponto de partida é em frente à praça.

Movimento - Pelo fato de estar ao lado da rodoviária, a Praça das Etnias está sempre movimentada, seja pelos turistas que vão fotografar o local ou pelos moradores de Gramado e da cidade vizinha, Canela. Todos têm um motivo em comum: aproveitar para comprar um pão ou uma cuca que saem quentinhos dos fornos de barro onde são feitos. Isso mesmo, honrando o seu nome, na Praça das Etnias os colonos agricultores vão se revezando, e a cada dia moradores de uma localidade do interior deixam suas casas para vir até o centro da cidade para produzir e vender pães, cucas, biscoitos, doces e muitas outras delícias.

Feirinhas – No sábado, a Praça das Etnias tem atrações especiais: uma feirinha de produtos coloniais e outra com produtos orgânicos, em ambas os produtos são comercializados pelos próprios colonos. Hortaliças, verduras, frutas, compotas, chás e até flores vêm direto do interior de Gramado e fazem sucesso, por isso, recomendamos que chegue cedo (as feirinhas começam às 7 horas da manhã) para poder ter mais opções de escolha dos produtos.

Fornos e Casa do Colono – Tudo na Praça das Etnias desperta o desejo por comida! São muitas delícias, desde os pães e cucas nos fornos de barro, até uma infinidade de produtos coloniais como verduras, legumes, frutas, geleias, embutidos, mel, doces, compotas, vinhos, sucos, temperos, queijos, massas, biscoitos e pães que são comercializados na Casa do Colono, que mais se parece com aqueles mercadinhos de secos e molhados que se vê no interior mesmo.

Artesanato – Se você é daquelas pessoas que adora levar um souvenir bem autêntico de cada viagem, saiba que na feira artesanal vai encontrar muitas opções de produtos feitos por gente daqui no Espaço de Feiras Francisco Oberherr.

Caminhe! Você pode fazer este passeio a pé, assim irá fazer muitas fotos dos canteiros que estão sempre impecáveis, tomados por flores. Na praça também há um anjo de vidro que foi produzido e doado pela empresa Cristais de Gramado, como uma homenagem ao Natal Luz. Depois de aproveitar as delícias e belezas da Praça das Etnias, vá percorrendo a principal avenida da cidade – a Borges de Medeiros – até a Rua Coberta, e conferindo de perto as vitrines das lojas e os restaurantes que fazem deste trecho um dos pontos mais disputados de Gramado.

SERVIÇO

O QUÊ: Praça das Etnias
ONDE: Av. Borges de Medeiros (ao lado da Rodoviária), Centro, Gramado - RS
CONTATO: (54) 3036 0389
FUNCIONAMENTO CASA DO COLONO: segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 18h30
Sábados e domingos, das 9h às 18h30
FUNCIONAMENTO FORNOS: Produção de cucas e pães nos fornos: quartas, sextas, sábados e domingos.
FUNCIONAMENTO FEIRINHAS: Aos sábados, das 7h às 12h
ACESSO A PRAÇA: Diariamente - livre